domingo, 16 de agosto de 2009

06/08/2009 - Cirurgia de vasectomia


No dia 06/08/2009, quinta-feira, submeti-me a uma cirurgia de vasectomia, para "fechar a fabriquinha" que já produziu duas lindas menininhas.
Apesar da minha filha caçula já estar perto de fazer 3 anos, somente agora viabilizei esta intervenção, pois antigamente o plano de saúde não pagava por isso mas, há cerca de 1 ano eles são obrigados a cobrir uma série de mimos deste tipo. Agendei a cirurgia para dar tempo de eu correr a meia de SBC e, simultaneamente, haver tempo hábil para minha recuperação até o Revezamento Pão de Açúcar.
A operação em si foi muito rápida, cerca de 15 minutos. O médico, que prefiro não mencionar o nome, foi bem pouco simpático mas, aparentemente, eficiente. Não conversou e, quando falava, era absolutamente o necessário, e murmurava tão baixo que eu quase não ouvia. A anestesia (local) foi aplicada cerca de meio segundo antes do bisturi cortar minha bolsa escrotal. No início eu estava bem tranquilo e relaxado, mas ao longo do procedimento fui ficando cada vez mais tenso, até que finalmente, sem querer e sem perceber, desencostei a perna esquerda da placa metálica que fazia o papel de aterramento elétrico, e levei um baita choque bem na "bola" esquerda. Uia!
Fora esses desconfortos, não tenho o que reclamar. Como foi rápido, é algo suportável.
A cirurgia estava marcada para as 14h. Começou umas 14:15. Às 14:30 eu já estava saindo, andando normalmente, e fui dirigindo para casa. No dia seguinte, 6ª feira, fui trabalhar normalmente, e no sábado de manhã fui nadar 40 minutos em ritmo de girino, para sentir a situação.
O médico passou uma recomendação direta para que eu evitasse correr, para não ficar balançando a região operada. Ele explicou que a sustentação dos testículos é alterada com o corte do canal operado. Mas natação, ele disse, tudo bem.
Passada uma semana, já caíram dois pontos. Um de cada lado. Aparentemente ainda tem outros dois pontos escondidinhos por ali, mas não tenho certeza. Após 10 dias, os hematomas (hemorragia interna devido aos cortes durante a operação?) que inicialmente estavam bem feios, já sumiram por completo. Os remédios, antibiótico, antiinflamatório, analgésico, etc, acabaram.
Ontem, sábado, resolvi fazer um pequeno teste de corrida: 3,5 Km em ritmo ultra-lento. Pensei que levaria uns 20 minutos mas, para minha surpresa, foram quase 28! Quase 8 min/Km! Pelo menos, aparentemente, não estou incapacitado para a corrida. Aleluia. Graças a Deus. Mas é bom ir com calma. Senti um pequeno desconforto na região operada. Não consegui identificar com clareza se foi por causa dos pontos remanescentes, ou se foi porque os pelos da região estão curtíssimos (tive que cortar por exigência da cirurgia). Mas não é nada alarmante, acho.
De qualquer forma, foi muito interessante correr devagar daquela forma. Minha pulsação média ficou em 136bmp, com pico de 150 na subida final chegando em casa.
Agora vou tentar fazer um retorno bem gradual e controlado. Acho que até dia 20 de setembro consigo estar em forma para o Revezamento Pão de Açúcar. Whish me luck.
ua

6 comentários:

Mayumi disse...

I'll wish you luck! Boa recuperação!

Fabão disse...

Thanks Mayumi.

Joka disse...

Agora é só treino !!!! Abraço e graças a Deus que deu tuido certo uhuuuuuuu Boa semana guerreiro...

Gil disse...

Carambolas!!, bela descrição cirúrgica! Parabéns pelo retorno as corridas, good luck.

Fabão disse...

É isso aí Joka!
Valeu pelo apoio.
ua

Fabão disse...

Valeu Gil.
ua