segunda-feira, 24 de novembro de 2008

Meu primeiro sub-50 em 10 anos

Video da chegada. Primeiro eu e, no final, o GMaio.


(link direto para o YouTube: http://www.youtube.com/watch?v=OcuuMd0410I)

Abaixo, "copy+paste" do relato que publiquei no SportCV:
http://www.sportcv.net/cv/fabio.medeiros/Detalhes.aspx?cdEvento=791

Encontrei o Guilherme Maio (GMaio) às 7h no Monumento às Bandeiras (empurra) e ficamos batendo papo.
Perto da hora de largada fomos nos dirigindo à região de largada e encontramos o Tio Nelson Runner Brasil. Ficamos sabendo que ele será papai, o que me deixou bem contente. Deus abençoe esta criança e toda a família.
Fui com o GMaio para a largada, e nos posicionamos em uma boa região.
A buzina soou pontualmente às 8h, e achei melhor deixar meu colega ir à frente, já que seus resultados recentes são mais rápidos que os meus.
Contudo, percebi que o Guilherme não se distanciava. Ou ele estava lento, ou eu estava rápido. Ao passar na marca de 1 Km, percebi que ele estava fazendo um início conservador, pois passamos na casa de 5min30s, nem muito rápido nem muito lento. Eu estava com vontade de tentar um sub-50min, mas não sabia se seria possível, pois não estou treinando corrida como deveria, embora esteja treinando bastante natação.
Aquela parcial de 5min30s serviu para mostrar algumas coisas: 1) aquele ritmo estava confortável, 2) eu poderia acelerar um pouco, 3) se eu quisesse fazer sub-50, precisaria de parciais sub-5min/km dali para frente, para compensar aqueles 30s da 1ª parcial.
Apertei um pouco o passo e passei a marca de 2 Km na casa de 10min20s, já compensando um pouco os 30s de "saldo". Nessa altura eu deixei de visualizar o GMaio. Imaginei que eu tivesse passado por ele, mas não tinha certeza. Achava pouco provável que ele tivesse disparado na frente a ponto de eu não conseguir mais vê-lo, e por outro lado, se ele tivesse mantido o ritmo do 1º Km, teria fechado o 2º em 11 min, ou seja, 40s depois de mim.
Como eu estava concentrado, resolvi não olhar para trás. Mesmo no retorno entre os Kms 2 e 3, por causa da grande quantidade de corredores, não consegui ver meu amigo, e resolvi não me preocupar com isso.
Não lembro exatamente as demais parciais, mas elas foram ficando sempre com aquela margem de 20, 30 segundos (total acumulado) acima da "meta" sub-50. Coloquei meta entre aspas, pois ainda não sabia se conseguiria, se arriscaria, ou se era melhor segurar um pouco o ritmo e garantir um dos melhores tempos do ano, sub-51.
Escrevi antes que tinha resolvido não me preocupar com o GMaio, mas na verdade o fato de não conseguir vê-lo estava me incomodando. Não sabia se ele estava na minha frente, atrás, muito atrás, na minha cola... Eu tentava não pensar nisso, mas por algum motivo esse pensamento foi recorrente em vários momentos. Resolvi, então, transformar essa idéia em motivação, como se o Guilherme estivesse me alcançando, e eu tentasse "defender a posição" rsrs. O retorno na Rubem Berta não ajudou em nada, pois não vi o amigo. Faltavam uns 3 Km para a chegada, e comecei a decidir se ia tentar o sub-50. Passei os 8 Km na casa de 40min40s (acho) e calculei que precisaria tirar 20s por Km. Até ali eu tentava saber se hoje seria o dia da "quebra" desta marca, ou se seria outro dia. Decidi tentar atingir a marca. O pior trecho, com subidas e descidas, já tinha passado. Ainda tinha uma pequena descida e um bom trecho plano até a chegada.
Apertei o passo, e cheguei num ritmo bem perto do meu limite para um fim de 10 Km. Passei a marca de 9 Km compensando metade dos segundos necessários. Precisava compensar a outra metade neste último Km. Teoricamente bastava manter aquele ritmo, mas como estava perto do limite era complicado. Na penúltima rua, já ao lado da Assembléia, senti um pequeno mal estar, controlei o ritmo, vi e cumprimentei o Jair, fiz a última curva, olhei o meu cronômetro e faltavam uns 15s para a marca de 50min. Dei um sprint e passei o tapete com "mais ou menos" 50min. O cronômetro não parou, e fiquei sem saber se tinha conseguido ou não.
Depois, fiquei sabendo pelo resultado oficial que fiz 49min54s. Fiquei muito contente, e só tenho a agradecer a Deus por esta vitória pessoal.
Olhando o resultado do GMaio, fiquei mais na dúvida ainda, pois ele chegou bem perto de mim, uns 20s depois. Agora não sei se ele estava perto o tempo todo, ou se foi acelerando no final... depois eu pergunto para ele.
Para completar, tive um churrasco com muitas pessoas da família Medeiros, e depois o Tricolor deu um grande passo para a conquista do campeonato Brasileiro.


Depois que escrevi o relato acima, fiquei sabendo que o GMaio realmente esteve por perto durante toda a corrida, mas sem me ver também. Só nos últimos 2 Km ele me viu, mas não conseguiu me alcançar, justamente porque nesse trecho eu acelerei.

Também deixo registrado aqui meu dia de tiete, ao cumprimentar o campeão olímpico César Cielo Filho que encontrei na entrega dos kits de chegada.

Minha avaliação do evento:
http://www.sportcv.net/cv/fabio.medeiros/EventoMinhasNotas.aspx?cdEvento=791

Critério Nota
Divulgação do evento 5 - Excelente
Inscrição 5 - Excelente
Preço 4 - Bom
Acessibilidade ao local 4 - Bom
Retirada do kit pré-prova 4 - Bom
Banheiro 0 - Não avaliado/Não se aplica
Largada (pontualidade e organização) 5 - Excelente
Fluidez: qtde participantes versus espaço disponível 4 - Bom
Hidratação (qtde, variedade, temperatura) 5 - Excelente
Percurso - Dificuldade/Desafio 4 - Bom
Percurso - Beleza 3 - Regular
Percurso - Qualidade (bem conservado/esburacado) 4 - Bom
Percurso - Segurança/Isolamento 5 - Excelente
Sinalização/Marcação de Km 5 - Excelente
Staff/Pessoal de apoio 5 - Excelente
Participação do público 3 - Regular
Chegada/Dispersão 4 - Bom
Entrega do kit pós-prova 5 - Excelente
Qualidade do kit pós-prova 5 - Excelente
Camiseta 5 - Excelente
Medalha/Troféu 4 - Bom
Lanche 5 - Excelente
Premiação 0 - Não avaliado/Não se aplica
Divulgação dos resultados 5 - Excelente
Apuração por chip 5 - Excelente
Suporte médico 0 - Não avaliado/Não se aplica

Nota Média: 4,5 (Quantidade de critérios avaliados: 23 / Total de pontos: 103)

Bom, talvez não fique claro para todo mundo, mas a distância desta corrida era de 10 Km, e fazer "sub-50" significa correr esta distância em menos de 50 minutos, o que dá uma média inferior a 5 min/Km. Tem muita gente que consegue essa média com facilidade, mas para o meu nível é uma marca muito boa. Para mim foi uma vitória.
Para deixar registrado, tenho uma outra marca sub-50 em 10 Km: 49min17s no 3º Triathlon Internacional de Santos, dia 30/01/1994, após ter nadado 1,5Km e pedalado 40Km. Aquele foi um dia debaixo do Poder de Deus. Diploma abaixo:

De Diplomas Antigos
(clique na imagem para ampliar)

ua

6 comentários:

Fábio Namiuti disse...

Parabéns novamente, Fabão ! Fico muito feliz com essa sua vitória. Sua perseverança e a sua longevidade no esporte são exemplos para todos nós. Continue sempre assim e que venham muitas outras conquistas como esta.

Um abraço !

G.M. disse...

Fabão,
Felicitações pela sua marca extremamente expressiva.
Muito bom o seu relato, congratulações pelo magnífico domingo.
Em todos os sentidos ! (risos !)
Grato,
Ass.: Guilherme.

Fabão disse...

Valeu pessoal

De certa forma, vocês me ajudaram nessa "conquista". Suas marcas me motivaram a buscar um tempo melhor.

O Guilherme, sem querer, me ajudou durante a prova, com aquela sensação de perseguição.

ua

Mayumi disse...

Oi, Fabão:
Parabéns pela corrida e pela melhoria em sua marca! Parece que a corrida de domingo estava bem cheia, não? Bons treinos! Obrigada pela visita ao meu blog! Bjs.

Carlos Lopes disse...

Meus amigos
O Natal não é a minha Festa. Uma questão semântica, ideológica, religiosa ou pura teimosia. Mas seja qual for a razão não invalida que eu não o use para dizer que ao menos nesta quadra eu me lembrei de ti, de si, do senhor ou da senhora. Não é uma mensagem que vai ao desbarato para todos os meus contactos. Vai mesmo um a um, porque é um a um que eu quero desejar todas as coisas boas que se deseja aos amigos. É um a um que eu abraço os meus amigos e lhes digo:
Bom Natal e Prospero Ano Novo

Márcio Santana disse...

Parabéns, camarada! Meu primeiro sub-10 também foi bem legal e (também) contei com a ajuda de amigos "coelhos", risos.